Vale diz que não há previsão para retomada da Samarco

Australiana Fortescue investe para entrar em novos mercados
29 de julho de 2018
Cade aprova compra da divisão de águas da Nestlé pela Indaiá
29 de julho de 2018

O presidente da Vale, Fabio Schvartsman, afirmou nesta quinta-feira (26), em teleconferência com analistas sobre os resultados do segundo trimestre, que ainda não há uma definição sobre a data da retomada das operações da Samarco, joint venture entre a empresa e a BHP Billiton. ”É importante ressaltar que não controlamos momento da retomada, que depende de licenciamento dos órgãos ambientais. Temos que cumprir as determinações e, quando as licenças estiverem na mão, poderemos dizer [algo sobre a retomada]“, disse Schvartsman.

O executivo frisou ainda que atualmente Vale e BHP se debruçam sobre um plano de negócios para a Samarco, o que permitira definir como será a retomada. Fabio S

chvartsman também destacou que qualquer negociação com a BHP sobre o futuro do controle da Samarco é “secundária”. “Não existe caso de negócios colocado. Se algo será feito, será em benefício da retomada [da Samarco], o que tira importância da discussão sobre quem compra o que”, disse.

Em 5 de novembro de 2015, ocorreu o rompimento de barragem da Samarco, na cidade de Mariana (MG), acidente que causou graves impactos ambientais em Minas e Gerais e no Espírito Santo, e que provocou 19 mortes. A Vale terminou o segundo trimestre deste ano com lucro líquido de R$ 306 milhões. O valor significa uma forte redução em relação aos três meses anteriores, mas, na comparação com o mesmo período do ano passado, o lucro da mineradora quintuplicou.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?